Plaven Seguros

Seguro de Vida

Segurança para toda a sua família!

O que é de fato um seguro de vida?

O seguro de vida é uma proteção para sua família em caso de morte ou invalidez do segurado,  podendo se for contratado, amparar o próprio segurado nos casos do mesmo ser acometido por Doenças Graves ou Irreversíveis.

Diferentemente do que muitos imaginam, existem coberturas, não apenas em caso de falecimento, mas também em outros tipos de sinistros que, quando acontecem, costumam trazer dor de cabeça e promover abalos emocionais e financeiros.

Portanto, o seguro de vida pode ser um benefício para utilização ainda em vida e existem varias opções de planos para as mais variadas situações: Acidentes Pessoais, Morte Acidental, Morte Natural Invalidez Permanente, Invalidez transitória, e Assistências diversas.

Buscar segurança hoje dá liberdade e tranquilidade para viver à espera do melhor sempre! Se você também tem essas dúvidas, mas não sabe como um seguro de vida pode ajudá-lo, organizamos aqui s algumas das maiores dúvidas e desmitificamos alguns mitos sobre este seguro tão importante.

Peça seu orçamento ou simulação

Dúvidas Frequentes

Um seguro de vida é um serviço que visa garantir proteção financeira diante da ocorrência de algum imprevisto. No caso de morte do segurado, os beneficiários indicados por ele recebem uma indenização. Eles podem ser herdeiros, parentes de qualquer grau ou até mesmo amigos, que não são da família. Por outro lado, caso o contratante esteja em condições que o impeçam de trabalhar, por exemplo, o seguro pode ser usado por ele mesmo em vida. O mesmo pode acontecer em caso de uma doença grave ou cirurgia coberta pelo plano, por exemplo.

Ao contratar um seguro de vida ou de acidentes pessoais, você escolhe o valor da indenização que será paga e as pessoas que irão recebê-la. O valor da indenização varia entre R$ 2 mil e R$ 2 milhões e pode ser usado para:

Para ter essa proteção, é necessário adquirir uma apólice. Feito isso, deverá ser efetuado um pagamento — único ou dividido em parcelas, que podem ser mensais — para garantir que, quando acontecer alguma fatalidade, será disponibilizado o dinheiro em questão.

Basicamente, um seguro de vida funciona com base em um contrato entre o segurado e a seguradora. A abrangência do plano e os valores a serem pagos são definidos no momento em que o contrato é firmado.

Contudo, existe a possibilidade de modificar a cobertura ou seus beneficiários durante o período de vigência do seguro, de modo a personalizar esse serviço em função das suas necessidades.

Em suma, quando algum dos casos cobertos pelo seguro de vida se concretiza, o segurado ou seus beneficiários acionam a seguradora e ela envia, geralmente por e-mail, um documento chamado aviso de sinistro, que deve ser preenchido e devolvido junto com os documentos listados — que variam conforme a seguradora e o tipo de ocorrência.

Os prazos para análise e efetivação do pagamento da indenização são previamente definidos entre as partes, mas geralmente giram em torno de 30 dias.

Os tipos de apólices podem variar de seguradora para seguradora, mas, em geral, podem ser contratados de forma individual ou coletiva, com as empresas oferecendo esse benefício aos colaboradores. Da mesma forma, a cobertura e os valores de indenizações podem variar conforme o agente segurador.

Além dos já citados, um dos principais benefícios do seguro de vida é o recebimento dos recursos nas situações estabelecidas pela apólice. Caso nenhum aspecto seja descumprido, a liberação do dinheiro acontece normalmente.

Também há como garantia o fato de que só aqueles colocados por você como seus beneficiários poderão receber o dinheiro, e mais ninguém. Como o seguro de vida nada tem a ver com partilha de herança, ninguém, exceto as pessoas escolhidas por você, podem solicitar e receber o dinheiro. Outro benefício é que não há incidência de imposto para quem recebe uma indenização de seguro de vida. No entanto, é preciso declarar os valores recebidos no Imposto de Renda.

No seguro de vida há a garantia de indenização para morte (acidental ou natural). Já no seguro de acidentes pessoais a seguradora cobre apenas mortes causadas por acidentes. Outra diferença está no cálculo do prêmio, que é diferenciado entre esses dois tipos de seguros. O seguro de acidentes pessoais não faz distinção entre segurados idosos e jovens, ou seja, o valor não varia conforme a idade do contratante.

O funcionamento de um seguro de vida também é bem mais simples do que diz o senso comum. Nos últimos anos, essa modalidade tem se popularizado no Brasil, o que é muito bom, pois mostra maturidade da nossa população.

Antes de contratar um seguro de vida, no entanto, é fundamental olhar para as suas necessidades e compreender que tipo de apólice é mais importante para você. Além disso, é necessário definir condições como o valor a ser recebido, o valor do prêmio e os beneficiários.

E lembre-se: escolher uma boa seguradora faz toda a diferença! Essa é uma relação de longo prazo, o que significa que é preciso contar com uma empresa bem estruturada e de credibilidade no mercado. É importante frisar, ainda, que esse é o tipo de serviço no qual o barato pode sair caro.

O ideal é contratar o seguro de vida antes atingir o limite de idade, que é de 65 anos, lembrando que a idade mínima permitida é de 14 anos.

A melhor forma de fazer um seguro de vida é procurando um corretor de seguros. O corretor de seguro será de grande ajuda neste processo, pois ele consegue traçar o perfil da pessoa e apontar as soluções mais convenientes naquele momento. Esse profissional estará preparado para tirar suas dúvidas e ajudá-lo a escolher o melhor seguro para você.

Confira 7 razoes para contratar
um seguro de vida hoje mesmo:

1. Proteção financeira aos dependentes familiares

Você não deve contratar um seguro de vida pensando em morte. Você deve contratá-lo pensando em vida: na vida de seus filhos, esposa e demais entes queridos.

Esse produto assegura que você conseguirá proteger quem você mais ama, ainda que a vida não lhe permita estar com eles em algum momento. Por mais desconfortável que seja pensar nisso, a partir da constatação de que essa possibilidade existe, é preciso considerá-la racionalmente.

2. Garantia de qualidade de vida em caso de invalidez/doença grave/afastamento temporário

Um dos principais benefícios do seguro de vida é o de garantir indenização em caso de invalidez total ou parcial causada por acidente, substituindo sua renda durante um determinado período. Incapacidade temporária e diagnóstico de doenças graves são outras situações que podem ser adicionadas na apólice, prevendo acionamento do seguro e o recebimento do valor contratado, sem burocracia, nessas situações. O problema é que, infelizmente, muitas pessoas não conhecem essa perspectiva do produto.

3. Reembolso de despesas médico-hospitalares e odontológicas

Contratar um seguro de vida pode te dar até esse tipo de proteção. Nesse caso, caso o segurado sofra um acidente e precise ser hospitalizado, o seguro cobre todos os seus gastos (médico-hospitalares e odontológicos).

4. Cobertura de despesas funerais

Embora dê até arrepio falar sobre isso, é preciso ser pragmático e ponderar que a única certeza é o segundo que estamos vivendo agora. Mas é porque muita gente não gosta de pensar nessas situações, que muitas famílias se veem perdidas no momento de maior vulnerabilidade emocional de suas vidas, sem saber como agirem e de onde levantarem recursos quando uma tragédia como essa acontece. Quem contrata um seguro de vida garante, ao menos, que seus familiares não terão jamais que se preocupar com essas questões logísticas e financeiras em caso de fatalidade. A morte é um momento de extrema sensibilidade, em que a vida parece congelar; no entanto, as despesas continuam e é preciso que seus amados estejam devidamente protegidos contra esses “capítulos inesperados” de nossa existência.

5. Indenização mais rápida aos seus familiares

Está na hora de incorporar o seguro de vida como item básico do planejamento familiar, e não mais como um produto que você nunca vai usar. Você sabia, por exemplo que, em caso de morte do segurado, o seguro de vida garante proteção financeira mais rápida aos seus beneficiários, uma vez que o pagamento é feito independentemente do inventário ou da partilha judicial entre os herdeiros (algo que costuma levar bastante tempo)?

6. Isenção de Imposto de renda

Um dos poucos investimentos de longo prazo que ficam ilesos à mordida do Leão. Isso, por si só, já sinaliza o quanto ter um seguro de vida pode ser vantajoso à sua família.

Quer saber mais sobre como contratar um seguro de vida? Entre em contato conosco e teremos o prazer em lhe apresentar outros detalhes e benefícios desse tipo de produto!

7. Seguro de vida não é caro

A ideia que o seguro de vida é item com valor elevado é mais um mito. O preço da apólice leva em consideração fatores como a idade do contratante, valor da indenização e coberturas obtidas. Por este motivo, a quantia que será paga varia de acordo com o que é adquirido.

A Plaven Seguros

Acumula nos seus quase 40 anos de atuação no mercado de seguros reconhecimento, solidez e, o mais importante para nós, centenas de histórias de clientes que se tornaram amigos.

Contato

Rua Graúna, 68 – Moema
CEP 04514-000 – São Paulo / SP

(11) 5095-8522

contato@plaven.com.br